domingo, 2 de junho de 2013

eu nada seria

ah, mas se não fossem as vontades, os impulsos e as entregas não seria eu. se não fosse o medo e a eterna busca pela liberdade, os sustos do acaso e as cartas piegas não seria eu. eu não seria sem os livros na estante, sem o "deixa eu gravar esse instante!", sem os diários intermináveis, as crises existenciais infindáveis, as madrugadas de insônia e o dançar sem um pingo de vergonha. 

eu não seria eu se não tivesse amado por oito anos o mesmo cara, se não tivesse quebrado com ele oito vezes a mesma cara, e se tivesse entendido esse amor que vem de uma fonte que não pára. eu não seria eu sem o carinho das minhas tias, as risadas das primas, as alegrias e desalegrias de família, os olhares azuis zelosos do meu avô e todos os lugares que meu corpo (e mente!) já visitou. eu não seria eu se não fosse o ilariê da xuxa, o gênio explosivo tão meu pai que até assusta, se não fosse os versos simples da sandy, se não tivesse esses sonhos tão gigantes. eu não seria eu se não fosse tão louca pelo ronaldo, se não requebrasse maluca os quadris ao som do naldo, se não me apaixonasse por alguma pessoa em cada esquina, se não voasse tantas vezes pra outras vidas que não a minha.

eu não seria eu sem o lucas no mundo da lua, sem a vontade de dançar e chorar na chuva, sem o colégio onde mora o meu coração, sem os amigos que amo (quer eles me amem ou não), sem o fechar de olhos pra escutar uma melodia, sem a vontade de me surpreender a cada dia. eu não seria eu se não fosse sorteada na mega sena por ter uma mãe tão valiosa, se não fosse uma irmã tão especial que é feito nascer com vitória honrosa, se não fossem as ruas de itanhaém, o boa noite e bença, obrigada meu Deus, amém. 

eu não seria eu se não fosse essa vontade doida de me doar, apesar de receber, gostar tanto mais de presentear, eu não seria se não pudesse conjugar pra eu, tu e eles, assim desigual, o tal do verbo amar.

-*-
Esse post é um oferecimento da Máfia e é resultado de um meme delicioso, inspirado pela chefa Analu a partir da música Capitão Gancho, da Clarice Falcão. Quem me indicou foi a doce Tary, e eu repasso essa aula de reconhecimento para as queridas Lary , Deysequerida e Palomets!


11 comentários:

Rhaíssa Sizenando da Silva disse...

AAAAAAAAAI MEU DEUS! Quanto amor! Quanto amor! QUE PERFEIÇÃO! Eu também gostei de um cara durante oito anos, amiga! Meu Deus, tão incrível!
E você gosta do Rrrrrrrrronaldo? Iradíssimo! Gosto muito dele também!

Lindo! Incrível!
Te amo!

Letícia Giraldelli disse...

Eu não seria eu, se numa noite de domingo chuvosa não conseguisse achar um blog bom para ler e graças a Deus, entrei no teu.

Sou eu.

Doce!

Gabriela, disse...

Eu to amando tanto esse meme, porque me identifico muito com vocês. <3

"sem os diários intermináveis, as crises existenciais infindáveis, as madrugadas de insônia e o dançar sem um pingo de vergonha".
Amei.
Beijos!

Marie Raya disse...

CARA. CARA. Obrigada por ter participado desse meme. Você arrasou na sinceridade e eu me identifiquei imensamente.

Ana Luísa disse...

Amiga! Eu também não seria sem o Lucas no mundo da lua, gente. Até porque, eu vivo lá também. E, realmente, eu não seria nada sem os amigos que eu amo, mesmo que eles não me amem. Isso disse tanta coisa..
Te amo!
Beijo!

Bruna Gabriela disse...

É ótimo saber que não seremos a gente, se não formos a gente mesmo.

Lindo post.

Tary disse...

Flavitcha, se eu te disse que chorei de identificação nessa parte:

'eu não seria eu sem o lucas no mundo da lua, sem a vontade de dançar e chorar na chuva, sem o colégio onde mora o meu coração, sem os amigos que amo (quer eles me amem ou não), sem o fechar de olhos pra escutar uma melodia, sem a vontade de me surpreender a cada dia. eu não seria eu se não fosse sorteada na mega sena por ter uma mãe tão valiosa, se não fosse uma irmã tão especial que é feito nascer com vitória honrosa'

... você acredita em mim?

<3 Você é incrível

aline marangoni disse...

amei. muito.

Luísa Chaves disse...

Que gracinha que ficou <3
E, poxa, oito anos? Haja coração! Você é como uma heroína, sério! haha

Beijos :*

Bárbara disse...

eu não seria eu, seu não tivesse uma amizade tão especial quanto a sua.

Te amo.

Aldrêycka Albuquerque disse...

Own! Que lindo!
Saudades de vc!! Tô sumida demais da conta... :P

Bjs!