segunda-feira, 9 de julho de 2012

dez de julho de 2004

é difícil dizer o que mais desgosto em você.

não porque são poucos os defeitos, mas porque são muitos. desastrosos! exagerados! incontáveis. a lista começa sem dúvida nenhuma com a sua incapacidade de pedir desculpas. poucas coisas me irritam tanto! você pode estar quase morrendo de ódio de si mesmo e tremendo de medo de me perder, mas há uma dificuldade enorme de dizer: desculpa. mas não para por aí. você, por exemplo, é corinthiano. quem me conhece sabe o quanto considero tal defeito intolerável. ainda mais quando se é fanático e louco por futebol. não há dia que se passe sem você citar algo relacionado ao time. um tormento! além disso você parece ter setenta anos: é uma das pessoas mais anti-sociais que conheço, e se pudesse (e eu deixasse) passaria todos os finais de semana assistindo ned kelly pela vigésima vez, com pausas para as videocassetadas do faustão. tem coisa mais insuportável? tem. você consegue ser mais mão de vaca que eu. não que não tenha dinheiro, longe disso, mas você sempre acha que não vale o preço. quando finalmente saímos para um restaurante novo, e depois de reclamar da distância, você sempre termina a refeição com um muxoxo e proferindo o famoso: é bom, mas não vale né amor? quer coisa mais desagradável? pois existe. e é ficar sem você.
nas poucas vezes que isso aconteceu eu surtei, porque não é fácil conhecer o amor da sua vida aos 15 anos. há muita vida pela frente e a paciência nem sempre é tão longa. mas se amor fosse medido em números o meu acabaria sendo resumido ao símbolo do infinito e isso diz muito da gente, do que queremos, do que esperamos, do que desejamos. e não há plano, assunto, história ou pensamento que saia de mim sem que seja relacionado à você. e eu sou a pessoa mais feliz do mundo assim. ainda que seja doida. como diz aqui na minha descrição do blog. tenho 23 anos e já faz oito que todo mundo sabe, todo mundo vê. sou uma doida varrida de amor por você.

(feliz dia 10)

15 comentários:

Ana Luísa disse...

aaaaaaaaaaaah, eu morri e fui enterrada a 7 palmos do chão! Que texto lindo, e que último parágrafo perfeito! <3

Larie disse...

Ownnnnnnn, que lindo, Flá! *-* Desejo a vocês muitos e muitos anos de amor pela frente, tá?
Desde os 15 apaixonados, isso é raro e tãão bonito. :3

Beijos :)

Emilie S. disse...

vocês estão juntos desde que você tinha 15 anos? isso é,realmente,impressionante.
sobre os defeitos,a gente supera,releva, faz ajustes.há sempre um jeito.
@blogabs | Emilie Escreve

aline disse...

que belezinha de texto!
e como diriam 'não há de ser nada...'

feliz dia 10! :)

Thais I. disse...

Que delícia de declaração :)

Bruna dos Anjos disse...

Gostei muito do seu blog
seguindo ;)
Se gostar segue tbm:


Bjokas
http://enredodeideias.blogspot.com.br/
Curta nossa página:
https://www.facebook.com/#!/BlogEnredoDeIdeias

Cinthia Machado disse...

que lindo Flá, adorei o texto. :)

depois passa lá no meu e me faz uma visita :)

http://www.intelectualidadedeumaloira.blogspot.com.br/

beijo

Nina disse...

Dói, mas é singelo esse sentimento nutrido e comemorado (também rememorado) à partir de uma data específica.
Mas fiquemos com o amor que não tem data certa para acontecer.
Abraços.

Retrato em Branco e Preto disse...

São oito anos de tantos pequenos detalhes por aqui também. São tantas virtudes e tantos defeitos, mas sinceramente não trocaria nada... :)

Feliz dia dez, e mais dez mil anos de amor e comemorações.

Um beijo.

Bárbara =) disse...

adorei amigaa!

lindo demais o amor de vocês!!

=)

Sofia Carolina disse...

Que lindo o texto! Me fez lembrar dos defeitos do meu "pseudo ex". Ele não sabia pedir desculpas, e era fanático por futebol também (corinthiano, mas eu também sou haha)

Bom, tenha um bom final de semana!
Beijos! :)

Drêycka disse...

hahaha liindo. vc começa odiando e termina amando, junto com vc. :)

saudades daqui, saudades docê!!

Um xêro, moça!

Bj
Drêycka

Lu disse...

O amor e seus defeitos, vem tudo junto no pacote. É querer mais que bem querer.
Adorei esse texto, de verdade. bjs

Juliana Caulo disse...

HAHAHA. Entendo. Já vi Tristão&Isolda, mas devo confessar que não acho um ótimo filme. sorry! Mas james franco é sempre James franco. Adoro aquele olhar sexy and i know it dele.

Thays Ribeiro disse...

Parabéns pelo blog. :)

http://entrepapelecaneta.blogspot.com.br/
http://complementochic.blogspot.com.br/