domingo, 11 de outubro de 2009

O prazer é meu

Falar de prazer é uma coisa deliciosa, até porque prazer no dicionário Michaelis, entre outras coisas significa: 2. deleite, gosto, satisfação, sensação agradável; 4. distração, divertimento.
Não vejo mal nenhum em dedicar meus dias à o prazer, acho até que vivemos em busca dele e não me sinto culpada por gostar tanto de senti-lo por aí.

Prazer pra mim pode ser tanta coisa! Pode ser batata frita com sorvete, um bom potinho calórico de leite condensado com achocolatado ou uma super pizza de frango com catupiry. Passar a tarde com as amigas falando mal do resto do mundo também integra a lista, assim como uma boa tarde de compras sem muita preocupação com o cartão de crédito. Lá no topo da lista ainda tem um dia dedicado à livros e música, de pura tranquilidade, onde eu escuto as musicas que eu quero, a hora em que eu quero, no volume em que eu quero. Esse prazer só não vence deste último, tão recentemente descoberto, que é passar um bom dia de frio, cheio de cobertor, pipoca e filme com o braço do namorado na cintura, esquecendo que fora de casa existe outra vida.

Nenhum comentário: