sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

TOP 5 livros 2018 - Menina Má (5)

Neste ano de 2018 li 24 livros, o que me deixou muito contente porque com a maternidade chegando no meio do ano, achei que não conseguiria ler muito e dois por mês está uma ótima média :)

Desses 24, decidi elencar os 5 melhores e depois falar um pouquinho sobre 3 decepções. Hoje, vou começar pelo 5º livro favorito de 2018.


Menina Má já devia ganhar uma posição por aqui só por esta capa maravilhosa da Darkside Books. Além disso, suas edição está primorosa, o que sempre dá uma vontade maior de ler o livro. Se pegarmos a sinopse, nossa curiosidade já é aguçada com a pergunta inicial "Quando nasce a maldade?", mas é no decorrer do livro, na forma como a narrativa é construída que eu fui pega completamente.
A menina má é Rhoda Penmark, uma adorável menininha de 8 anos de idade. Com a premissa da capa e da sinopse, já fica claro que ela não é tão perfeita assim, então a curiosidade reside em entender o que ela vai fazer para dar título ao livro. O desenrolar da história é muito interessante, especialmente quando vamos descobrindo as coisas com a mãe de Rhoda, que é uma personagem essencial no livro, cuja evolução é muito coesa e precisa.
O livro nos faz pensar em psicopatia, sociopatia e também sobre como ele se dá - seria genético? seria uma falha no nosso sistema? tem como evitar? - e faz refletir verdadeiramente sobre o tema. 
Vale lembrar que o livro, lançado em 1954, fez um sucesso estrondoso e controverso, ganhando adaptação cinematográfica com direito a Oscar e tudo! É um livro que abriu portas para personagens como Chuck, Dexter e Annabelle existirem e que faz a gente ter um pouquinho de medo da humanidade - além de olhar ao redor com um pouco mais de cuidado rs. 
E você? Já leu? Sente vontade? Conhece outra literatura do tipo para indicar? 


Nenhum comentário: