quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

só falta apertar o "enviar"

eu sonhei com você recentemente.

já me dei um milhão de desculpas por essa traição em pensamento: a música que tocou, o moço que passou, o carro que estacionou na porta de casa. mas a verdade é que nada disso viria a tona se você não permeasse meus pensamentos. eu não entendo bem o porquê, mas acho que as coisas de destaque em nossa vida não necessitam de razão. mas a grande verdade é que senti uma saudade enorme daquilo que tivemos. das mensagens de boa noite, das ligações que você me fazia no meio de uma balada só para me dar boa noite, dos cds que nos gravamos, das idas à rodoviária pra te encontrar e pra te deixar. e daquele fim de tarde na sua casa, o bora estacionado na garagem, as mãos carinhosas, os lábios saborosos, os olhares de carinho, depois de dividirmos um sorvete haagen dasz. é. desse fim de tarde eu sinto um carinho enorme. tenho ele tão gravado na minha memória que posso até lembrar sobre o que conversamos, o que comemos, quanto tempo nos demoramos. você vê, você foi especial na minha vida.talvez não tanto quanto eu fui especial na sua, afinal de contas não imagino seu coração parando toda vez que escuta a voz do nando reis no carro, como acontece comigo. ou quando toca better together do jack johnson. o quando vejo uma reportagem sobre surf e bali e todas esssas coisas tão você. e eu não quero você de volta, pode ficar tranquilo, seguir sua vida pegando onda mundo a fora com a sua namorada esquisita, eu não quero interromper absolutamente nada do que você construiu. é só que as vezes eu tenho vontade de saber se você ainda gosta de massagem na nuca, e se ainda tem a intenção de chamar a sua filha de lilly. porque por mais que eu saiba que fui com você mais honesta do que fui em qualquer relacionamento dessa vida, não sei se cheguei a dizer o quanto você me marcou. talvez porque na época eu não tivesse a dimensão disso tudo. e esse e-mail é pra dizer isso. você foi. acho que até ainda é. feliz 2013. seja feliz - e tenta não se esquecer de mim? ao menos como a garota que nunca vai se esquecer de você.





observação: isto é um devaneio.

12 comentários:

Mari Mari disse...

Aperta o enviar. E quando vc ver, já é tarde de mais pra voltar.
Adorei o que você escreveu, achei sensível, e ao mesmo tempo de uma franqueza poderosa.

Marie Motta disse...

Eu tenho mania de escrever sobre coisas que não superei. Para isso eu crio personagens...Me encanto quando vejo uma pessoa se expondo e sendo franca com seus próprios sentimentos.

Beijos Flah, saudades de você lá no blog.

Luísa Chaves disse...

Que delícia de texto!
Senti cada palavra escrita, uma mais bela que a outra!
Acho que eu estava precisando ler um texto assim, fiquei um pouco mais "de bem" agora. Não resisto a um pouco de sentimentalismo!

Beijinhos :*

Camila disse...

Oi Flá, então ainda não terminei de ler o livro de Nicholas, mas lhe aviso se é bom mesmo ou não.
Bjos

Henrique Miné disse...

esses dias, meio que passei por isso, e me vi escrevendo poemas de despedida tardia. As vezes, não é que me arrependo, só sinto saudade mesmo, sabe? Uma vontadinha de voltar no passado e passar um diazinho lá, só pra reviver um pouquinho aquilo tudo que ficou pra trás. foda, viu!

beeeijo, e muito bonito esse blog, moça! (:

Rick disse...

Sempre bom seus textos.
Aperte enviar e pronto, depois depois.

Boa noite. Até breve. "_"

Lidy Aquino disse...

É tão bom rememorar o que já passou e nos marcou de uma forma boa, mesmo que provoque um incômodo pelo gosto de algo inacabado. Colocar em palavras é a melhor forma de afagar a saudade do que poderia ter sido. Gosto tanto da sensibilidade dos seus textos, Flá! Acho que esse é um dos meus favoritos. Beijos!

P.S.: O layout está uma graça!

Jéssica Teles disse...

Sempre enviei, mesmo que me achasse louca depois, haha! Lindo, lindo texto!
E nossas listas estão bem parecidas, CPM22 e Capital também me marcaram demais, rs.

Beijo, beijo!

Goiabasays

Priscila Gomes disse...

Não sei o que se seus devaneios são reais ou ilusórios. Não sei. Se for real, como eu entendo isso... quantas cartas eu tenho aqui guardadas, quantos textos não enviei...

Amo amo amo seus textos!

Deyse Batista disse...

Flá, também não sei reconhecer o que tem de verdade e o que tem de fantasia nos seus textos. Se for o primeiro, te admiro porque jamais consigo por pra fora o que eu sinto com tanta simplicidade, muito embora os sentimentos sejam os mais complexos; se for fantasia, te admiro pela capacidade de criar um mundo inteiro em poucas linhas e convencer tão bem da existência dele. De qualquer forma, de admiro cada vez mais como escritora.

ps.: queria muito te agradecer pelo carinho de comentar com tanto entusiasmo nos meus vídeos. Essa troca é muito rara na blogosfera e eu simplesmente ganho o meu dia em saber que tou me comunicando de fato com outras pessoas através daquilo. Você foi muito fofa e atenciosa, muito obrigada!

Beijo grande!

Amanda Souza disse...

Flá, não sei porquê, mas seus textos sempre me lembram meu ex namorado! Isso seria uma coisa boa ou ruim? Acho melhor não pensar muito sobre isso, rs.
Beijinhos

Hipérboles
@hiperbolismos

Anônimo disse...

After getting more than 10000 visitors/day to my website I thought your dentrodelatem.blogspot.com website also need unstoppable flow of traffic...

Use this BRAND NEW software and get all the traffic for your website you will ever need ...

= = > > http://get-massive-autopilot-traffic.com

In testing phase it generated 867,981 visitors and $540,340.

Then another $86,299.13 in 90 days to be exact. That's $958.88 a
day!!

And all it took was 10 minutes to set up and run.

But how does it work??

You just configure the system, click the mouse button a few
times, activate the software, copy and paste a few links and
you're done!!

Click the link BELOW as you're about to witness a software that
could be a MAJOR turning point to your success.

= = > > http://get-massive-autopilot-traffic.com