quarta-feira, 28 de novembro de 2012

rubi

você ainda não percebeu mas é uma pedra preciosa, sabia?

existe uma coisa que todo mundo sabe sobre pedras preciosas: elas são difíceis de encontrar. perambulam por aí camufladas em meio ao restante das pedras comuns, mas nunca passam desapercebidas. ainda que cobertas de poeira e pó reluzem um brilho desabitual, sem igual, único. são invejadas, pois tudo que é diferente e particular causa esse tipo de sentimento. mas existem coisas que ninguém sabe sobre elas: a grande maioria dessas poucas sofre muito- não é fácil encontrar pelo mundo pedras tão preciosas como são e pois isso as pessoas costumam rotulá-las de duas maneiras contrárias porém igualmente errôneas: ou as subestimam ou as superestimam. raro mesmo é dar à cada uma delas o seu devido valor. além disso, há uma ideia globalizada igualmente errada de que as pedras preciosas são perfeitas. elas não são. todas as pedras preciosas, incluindo os rubis, só são originais quando contém imperfeições. isso basicamente significa que as pedras preciosas perfeitas são artificiais - o que é um jeito delicado de dizer que são falsificadas em alguma etapa do processo.

eu tive a sorte, cerca de seis anos atrás, de conhecer uma pedra preciosa. eu tenho um certo dom de reconhecê-las, pois as admiro, e foi praticamente impossível de não notar seus reflexos avermelhados  de rubi passeando por aí. eu soube de cara o seu valor. e me entristecia todo dia de te ver por aí sem saber o quanto que você valia. esses últimos dias você se tornou ainda mais preciosa porque hoje você passou a se valorizar e está no caminho certo para ter a certeza de saber que é uma  jóia rara. dessas, tão especiais que não tem preço, que é rica em tudo, única, especial. simplesmente (e completamente) bárbara.

8 comentários:

Jéssica Teles disse...

Como sempre, adoro seus textos! E eles são imensamente valiosos, não esquece disso :)

Beijo, beijo!

http://goiabasays.blogspot.com

Bruna Gabriela disse...

Encontrar uma pedra preciosa é magnífico.

Amei o texto que vc fez para sua.
Tão lindo, tão suave e ao mesmo tempo tão cheio de sentimentos.

Bárbara Barbosa disse...

Oh Minha grande e maravilhosa AMIGA. Ou diria Irmã? Como sempre, escreveu MARA, mas dessa vez admito que foi ainda mais especial pra mim. Sem dúvidas. Até chorei.
Muito Obrigada por esse carinho imenso e por estar ao meu lado sempre.
Eu amo muito você.
e não tenho palavras... estou chorando..rsrs. (mas é de alegria)

Aurora disse...

Amei a metáfora, o jeito bonito que colocou as palavras. Sorte sua encontrar pedra, sorte da pedra de te encontrar.
Beijo.

Helena Correia disse...

Lindo texto.
Colocando sentimentos em todas as palavras.

Beatriz disse...

Que lindo! Quanta sensibilidade...
É tão bom a gente encontrar pedras preciosas pela vida, né? elas são raras, mas valem a pena!
Adorei o texto, beijos :)))

gabriela m. four disse...

ah, também quero me valorizar e virar rubi, haha.

tá fofíssimo seu blog (=

Letícia Giraldelli disse...

Se não o melhor, um dos seus melhores textos!
Não tem o que falar... Perfeito do início ao fim... Meus parabéns, Flá Costa! Parabéns por escrever algo tão belo!