quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

percurso

quando somos crianças, daquelas que sonham em ser adultas logo, não imaginamos que ao crescermos, os problemas as decisões e suas consequências aumentam de tamanho também. Talvez Peter Pan seja um visionário, que já sabia de tudo isso e por isso é uma das únicas crianças que só gostava de brincar de ser gente grande. mas que não queria crescer.
agora tenho que tomar uma decisão e isso nunca foi fácil, ainda mais para uma libriana que fica uns 15 minutos apenas decidindo qual cor de calcinha usar, e passa a manicure inteira oscilando entre um esmalte e outro até decidir por um que nem imaginava no início da conversa. Decisões grandes passam a ser mais que decisões, passam a ser problemas.
e agora? qual caminho tomar? a estrada é longa mas existem diversas curvas em ambos os lados que fazem com que eu questione meu roteiro simplesmente o tempo inteiro, em um labirinto daqueles bem complexos onde eu não vejo começo, que dirá o meio e o longíquo fim. será que existe um fim? a história de se ficar o bicho pega, se correr o bicho come. e aí? qual a opção melhor?
virei uma pergunta ambulante e as vezes quando estou no metrô e me deparo com alguma velhinha me encarando me pergunto o que elas veem é apenas um ponto de interrogação. nem dos meus textos eu gosto mais. parar de escrever pra mim sempre foi um mau recurso. estou em crise. em crise existencial. não tenho certeza de nada, sou um barco sem rumo que questiona até mesmo a escolha do próprio barco.
mas tenho você ao meu lado, meu refúgio. é quando encontro a paz no meio do caos. há sempre paz no meio do caos

4 comentários:

My disse...

Há sempre um porto...
E no meio de muitas dúvidas nada melhor que aa certeza de alguém...
Bjs*

Lais M. disse...

Oiiiee! Qto tempo né? Mas to aqui dnovo!
Olha, tem selo pra vc lá, se quiser:

http://lmaroubo.blogspot.com/p/selos-que-ganhei.html

Todos os selos eu indico a todos os meus amigos e amigas que sempre me visitam e me deixam recadinhos deliciosos, carinhosos e simpaticos.

pode pegar e postar, e indicar pra quem quiser.

Sei que fugí de umas regrinhas, mas é que sao tantos parecidos...

Entao fica facil eu distribuir (pelo menos estes) assim.

Beeijoocas
e OBRIGADA PELO SEU CARINHO!

;***

Stephanie Pereira disse...

crises existenciais sempre existem, não importa o que a gente faça pra suprimi-las. Mas por mais que a gente se sinta perdida, sempre tem um caminho no meio do caos, é só saber segui-lo. (:

Sara só disse...

"há sempre paz no meio do caos" também há sempre solução. paciência.