segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

olha, 2010

Estou comparecendo aqui para te agradecer. Porque a gente sempre sabe falar na ponta da língua os defeitos de qualquer um, mas quando é pra elogiar, pra dizer coisa boa somos os primeiros a esquecer. E apesar de todos os pesares, é claro, fazendo aquele balanço tão tradicional, meus motivos para agradecimento são muito, muito maiores do que qualquer crítica.
Pude dividir com você durante todo este ano meus sentimentos assim tão completos e complexos dedicados àquele que é o grande amor da minha vida. Sendo assim, esse amor que é tão lindo e comprido como um oceano foi um presente que, não leve a mal, quero continuar compartilhando com o companheiro ano de 2011. Mas não fique enciumado, 2010, que este post é exclusivamente seu. Então, antes de mais nada, obrigada por ter mantido esse amor e ter feito com que eu tenha essa sensação tão gostosa de que será e é eterno.

Além disso, nós pudemos me ver tendo crises de gente grande e completei 21 anos com você virando oficialmente mulher, mesmo as vezes tendo vontades de menina. Agradeço às crises também, porque tenho a certeza que passar cada uma delas com você foi para mim um aprendizado gigante e minha alma cresceu pelo menos uns 5 cm depois dos ataques histéricos.

Agradeço também pelas amizades, as boas, que permanecem sempre assim ao nosso lado e espero que você tenha gostado de conhecê-las. Agradeço também por ter me inserido no mercado de trabalho, foi uma experiência ótima e nova que com certeza vou guardar pro resto da minha vida!

Ah, dois mil e dez, resumindo assim, eu tenho mesmo é que agradecer por tudo. Tudo foi muito especial, com esse seu número redondo. É claro que eu nunca vou esquecer que você ficou me devendo uma Copa do Mundo, e que nós brasileiros voltamos cabisbaixos da terra do Mandela pra casa, e não, eu não te perdôo por isso, e infelizmente você vai ter essa manchinha pra sempre no mês de julho.

Mas não precisa ficar nervoso não, porque de resto, de janeiro a dezembro, você foi desculpe-me o trocadilho, dez!

Obrigada!
Te revejo em minhas lembranças.

9 comentários:

Flor disse...

Flor, primeiramente, amei sua visita (: muito obrigada pelos votos de felicidade e pelos elogios. Agora, seu blog? É uma delícia. Nem todo mundo agradece ao ano que passa, a gente só lembra da dor, e não das coisas boas que TODA situação trás. Você enxergou isso e transcreveu deliciosamente.

Se 2010 foi dez, Que 2011 seja onze. - tá, não resisti ao trocadilho :/ -

Um beijo e até breve :*

Flávia Campos disse...

ahhh! adorei o seu texto! :D
te juro que é o primeiro que vejo elogiando 2010, rs. finalmente alguém pensou de maneira positiva nesse ano!

beijos, moça

cartasparafernanda disse...

É verdade, se olharmos o lado positivo de 2010 podemos começar um 2011 muuito melhor. Ótimo post de fim de ano.

beijos =*
Feliz ano novo, feliz 2011! =D

Ana Lu disse...

Pois ele, ele realmente ficou devendo o nosso hexa.. Mas te trouxe um grande amor, que pra mim também ficou devendo. Que venha 2011! Beijos Flá!

Sara disse...

Awwwwwwwww, tá super com a razão. 2010 foi um ano maravilhoso! E todos os acontecimentos, bons ou ruins, só serviram para nos fazer crescer.

Thiago disse...

E que fique nas lembranças... eu tive algumas vitórias este ano, importantíssimas para minha vida.
E que o próximo seja melhor, afinal, temos uma ano a mais de experiência...

inclosed disse...

nossa que post maravilhoso. Sem palavras *-*
Lembranças 2010, bem vindo 2011. Que ele venha sorrindo e feliz pra ti tbm. Beijo!

Shuzy disse...

O meu 2010 tbm foi 10! Coincidência ou não... hehe
Espero que 2011 seja 11!
=*)

Lais Maroubo disse...

Flaa =D

tdo bom qrida?
E ae moça..q belo testo de "adeus 2010" =D

qro saber como passou de ano, as festas, os presentes ^^

Desejo tdo melhor pra vc este ano!

Te aguardo la no meu cantinho.

To seguindo, e ta linkada ja ^^
beeeijocas