terça-feira, 23 de novembro de 2010

recomeço.

Quando comecei esse blog eu era uma menina. Dessas que se acha mulher.
Com todas aquelas inconstâncias, aqueles medos, aquele jeito de quem sabe tudo mas que na verdade não conhece nada. Acabei colocando aqui de tudo um pouco aquilo que eu vivia e no geral encontrei neste lugar um espaço pra dar vazão à todas as minhas crises e sofrimentos e descobertas adolescentes.
Fechei o blog durante um tempo em que me achei gente grande o suficiente e quando achei que não haviam mais crises para serem compartilhadas. Eu estava errada.
Se engana quem acha que as crises são apenas adolescentes. A adolescência é simplesmente a introdução de uma monografia inteira de medos e ímpetos que os adultos passam a ter de conviver. São sentimentos profundos que invadem a alma cheios de quereres, de erros constantes, com alegrias que podem ser assim também grandes de quando em vez.
Não acho certo apagar esta história que por mais que tenha ficado para trás, ainda faz parte de mim.
Vou recomeçar o blog do zero, ou melhor, aos 21, quando assumi perante o mundo a atestada maioridade.
Por isso hoje estou retomando o blog, assim, com o mesmo nome e todos os arquivos para quem quiser conferir.
Estou recomeçando este blog como uma mulher. Dessas que se acham meninas.

6 comentários:

Marcela disse...

Flá, confesso que o nome não me é assim familiar, mas o blog sim.
Me lembro daqui, e das várias vezes que eu pensei estar lendo sobre a minha vida, sobre as minhas próprias crises.

Fico feliz que você tenha voltado, que você tenha crescido. Como eu cresci também.
Bem vinda de volta ;)

;***

Larissa disse...

Fico feliz ao saber que, mesmo que o tempo tenha passado, você ainda continua disposta a dividir experiências, dar conselhos, ou simplesmente, desabafar. Eu sempre achei que, quando eu ficasse mais velha (com 18 anos, haha), eu fosse abandonar isso. Mas não consigo, a cada dia que passa me sinto mais ligada à esse mundão todo.
Seja bem-vinda de volta :)

Beijos.

Eu nunca disse adeus.. disse...

Nossa! que ótimo saber que você retomou o blog, já faz um bom tempo que sigo e pra falar a verdade sempre passava aqui pra ver se tinha postagens novas, gosto muito do que você escreve.
Também uma vez pensei em apagar meu blog, mas também não acho que seja certo apagar histórias, elas são um pouco de nós.
Beijão
Passarei mais vezes!
;)

Marília Macedo disse...

Flá!

Claro que lembro de você! O blog que me inspirou ! Fico muuuito feliz em saber que você voltou, ou melhor, que voltamos!
Você com 21, eu prestes a fazer 20, nos lendo!!!

beijão!
estarei sempre por aqui!

M.a.r.i.a.n.a disse...

Muito bom ler isso...
E sempre assim, a vida é feita de várias vírgulas, tendo somento um ponto final..... enquanto se está viva, há histórias de medos e glórias!


Tem pouco tempo que voltei para o mundo dos blogs !!
Tá ai... gostei do seu !!

B. disse...

Que bom que voltou, adoro seus textos, e mais uma vez você expressou algo que eu me identifiquei: "como uma mulher. Dessas que se acham meninas."

Qual a medida de nossas atitudes e vontades? O que nos define como menina ou mulher?. Em certos momentos me vejo tão 'juvenil', e de repente tenho que lidar com as responsabilidades trazidas pela maturidade...

Você escreve com uma desenvoltura sobre situações que eventualmente perpassam a vida de suas leitoras.

Welcome back! ;)