sexta-feira, 29 de maio de 2009

Manifesto sobre o futebol


Nasci em São Paulo, Brasil. Mesmo sendo uma garota, meu gene futebolístico brasileiro se manifestou de maneira profunda e sou daquelas que sabe muito bem o que é impedimento e derruba alguns marmanjos no campeonato de Winning Eleven. E sei que não sou a única, tenho várias amigas do mesmo ramo que eu e muitas delas de maneira muito mais profunda do que a minha. Sendo assim, venho por meio deste dar meu pitaco sobre isso mesmo, o futebol.

Não cabe dizer que eu sou São Paulina ou que sou apaixonada pelo Ronaldo (eterno fenômeno, ainda que em formato bola) pois não é disso que vim falar. Está no site G1 uma matéria sobre a vontade que o Robinho está mostrando de voltar para o Santos. Mais um. Adriano, Ronaldo, Fred e agora Robinho. Todos eles fizeram o caminho lá fora, brilharam no futebol mundial e no momento de decadência lá chegam todos, chorando para o colo da pátria mãe.

Olha, é claro que dá orgulho de ver Kaká, Ronaldo, Ronaldinho e outros tantos ganhando títulos de melhores jogadores lá fora, mas tá na hora de a gente regulamentar esse negócio. Tem muleque jogando lá fora e fazendo o maior sucesso sem nunca ter alcançado o auge aqui dentro - o Pato veio da onde mesmo? - tá virando festa. Tem que ter um limite de brasileiros jogando em times do exterior. Teve um tempo que o Milan tinha 7, SETE jogadores brasileiros. Gente do céu, de VINTE E UM, SETE eram brasileiros. É um absurdo. Tá na hora da CBF fazer alguma coisa.

"É permitido que um time de futebol que não seja do Brasil, contrate UM jogador brasileiro." Ponto. Zéfini. Chega. Tá ótimo.

Além do mais a Copa das Confederações tá chegando e não é uma copa do mundo, mas sou daquelas que não gosta de ver o time perder. Se o Dunga continuar fazendo o mesmo trabalhinho de porco e os jogadores não mostrarem a garra e principalmente a ginga que costumamos ter vou colocar a boca no trombone. Não que isso vá adiantar muita coisa, mas tenho direito à liberdade de expressão. Quero acompanhar o brilho dos grandes jogadores brasileiros no Brasil. Aqui dentro. Já pensou que animal uma final como essa?

Ps: Desculpem-me a ausência, pela milésima vez.

Nenhum comentário: