domingo, 25 de janeiro de 2009

Alguma coisa acontece no meu coração...


Vai, vem, corre, anda, que pressa, não vai dar tempo, que trânsito, que horas são, vitrines, dinheiro, dinheiro, é tudo tão grande!, sorria, Japão, Nordeste, Itália, Portugal, qualquer lugar, todo lugar, São Paulo.

Quanto orgulho de todos os seus 455 anos. A cidade improvável, que simplesmente aconteceu, surgiu. A cidade que faz com que o improvável simplesmente aconteça, surja.

Quanto orgulho dessa correria, dessa dependência do relógio, da nossa miscigenação, de não ter uma cara cacterística, de ser daqui, dali. Paulista da onde? Do Rio, de Pernambuco, da Bahia.

Quanto orgulho dessa presença, desse sotaque, dessa mistura desse poder, de todo o trânsito de pessoas correndo em busca de sonhos, de planos, fazendo seu caminho na multidão. Portugal, Itália, Nordeste, Japão. Paulistas, paulistanos. Fazemos de qualquer lugar, todo lugar. Eu sou paulista, paulistana, completamente metropolitana. Quanto orgulho de ser sua, São Paulo.

Nenhum comentário: